RESENHA DO PERFUME JOOP LE BAIN - UM PERFUME MARCANTE

Tenho alguns amigos e amigas que estão em polvorosa por conta do perfume Joop! Le bain. Claro que entrei na onda e comprei um no e-bay também. Estava toda chateada por que o meu está vindo da Hungria à bordo de um casco de tartaruga; e já tô sentindo saudades dele sem nem o conhecer, quando a vida me prega uma peça. Ontem, depois da aula, passei em uma farmácia. Havia fila ainda àquela hora da noite. Fiquei olhando as prateleiras até que lembrei daquelas que guardavam colônias para bebês. Admirada vi que tinha perfumes importados também. Celebridades várias, Guess e Joop! Joop...por onde andará meu Le Bain? Estará em algum contêiner na escuridão de um barco solto no Atlântico? Tadinho dele... Fiquei, então, passando os olhos um por um até que prendi a respiração e precisei de um certo esforço para tomar consciência do que os meus olhos viam. Sim, bem ali à minha frente um Joop! Le Bain.
Resenha do perfume Joop Le bain
Jopp Le Bain review
Ele! Sim, o que estou esperando há semanas longas!

“Moça, quanto está este perfume?”
R$59,90
“59? Vou levar.”
Fui ao caixa. paguei, agarrei o pacote e cheguei contente. Joop!Le Bain do e-bay à Farmácia. Já avisei um monte de gente e agora faço plantão aqui para contar.

Mas...como é o Joop! Le Bain? Vamos com calma pois ele é diferente e difícil.

Família olfativa: floral oriental.
Notas de saída: aldeídos, flor de laranjeira, bergamota e limão
Notas de coração: sândalo, jasmim, lírio do vale, cedro e rosa
Notas de fundo: tonka bean, âmbar, patchouli, almíscar e baunilha.

Inicia dissonante e ao longo da sua evolução toca melodias harmoniosas. O acorde de aldeídos que se mescla à cremosidade da flor com os acentos cítricos intenso da laranja com limão me assusta. E o que é um acorde aldeídico? Ligeiramente digo que o uso dele na perfumaria começou com Chanel N.5, então tendemos a "datar" um perfume dizendo ser antigo quando ele é mais carregado nesse cheiro, pq atualmente ele não tem sido muito usado. E como cheira um aldeído? Borracha queimada, vela recém-usada mas já apagada; é um cheiro metálico, cortante e frio, mas que em Le Bain é acariciado
JOOP LE BAIN FRAGRANCE REVIEW
Notas olfativas de saída Jopp Le bain
pelas flores de laranjeira e por um doce abaunilhado discreto já no início.

Sinto a saída de Le Bain como um acorde dissonante que nos põe em movimento, irrequietos e crentes que algo harmonioso virá. E brilhantemente os aldeídos movimentam em um giro o perfume para o coração oriental floral. Profusão de rosas, lírios e jasmins bem evidentes. Borracha, Incenso e fumaça de charuto. Madeira queimada. 
Ah, e isso é bom? 
Sim!
Exotismo puro!
Nada confortável, não consegui dormir com ele. Precisei levantar, me banhar, para tirar a sinfonia de meus braços, pois são extremamente convidativas para desvendarmos cada nuance da evolução deste perfume.
Em certo momento destas madeiras queimando, incenso rescendendo em meio à flores diversas, lembrei do meu querido Hot Couture, Armani Mania, que têm, também, um aspecto enfumaçado que chega a arder o nariz.
Tem mais?
Sim.... as flores cedem lugar para algo ainda mais inusitado. A fumaça das borracha, madeiras e incenso ganham a mais inusitada das companhias. Crème brûlée. Comida?
Sim!
Do coração ao fundo há uma transição fantástica onde caramelo, baunilha, leite condensado e um licor de amêndoas com âmbar tempera esse ardido enfumaçado e deixa Le Bain fantástico. Nesse momento a cremosidade do Le Bain e o seu âmbar me fazem lembrar do descontinuado Gaultier 2.

JOOP LE BAIN REVIEW
Notas olfativas coração e base de Jopp Le bain
Sua saída dissonante incomoda, mas foi proposital, creio. Impossível ficar calma sentindo Le Bain no começo. Deixa-nos ansiosas para ver o que vai acontecer. E o que mais gostei?

Bom, a transição dos aldeídos para o corpo floral enfumaçado e, principalmente, o encontro da queimação com a sobremesa caramelizada, abaunilhada e licorosa. Sinto cheiro de licor, nessa fase. Essa parte dele é viciante e ficou, apesar das baunilhas, um doce adulto e sensual, melhor que o também descontinuado Crème brûlée da Tutti Dolci.

Quem gostará de Joop! Le bain?
Quem aprecia perfumes exóticos como o Bvlgari Black e tem paciência para esperar a evolução que dura horas, pois foi justamente a dança dele pelo salão de minha pele, as muitas facetas que ele revelou, que deixou-me encantada. Ao longo de suas muitas fases ele nos faz lembrar de muitos outros como Hot Couture, Gaultier2, Armani Mania, Crème brûlée, mas no todo ele não se parece com nenhum outro.

Projeção: intensa por 3 horas e intensidade mediana todo o tempo restante. 2 borrifadas e pronto.
Fixação: 10 horas
Proposta olfativa: provocante, exótica, criativa e convidativa.
Preço? R$59,90 foi o que paguei na Farmácia Catarinense/Farmagora loja presencial e vende via site também.
Sugestão de uso: absolutamente compartilhável, mas requer cuidados. Desde ontem tenho-o usado em todas as ocasiões, mas não passei de 2 borrifadas. Penso ser mais apropriado para o frio, aqui tem feito algo entre 17 e 23 graus.

Agora...ninguém me pergunte o por que desse perfume tão exótico, quente, oriental, doce se chamar Le Bain = banho.  Curioso isso.... ;)


54 comentários :

  1. O meu Deus. Tive um orgasmo múltiplo com essa resenha. Kataploft, posso morrer agora.

    Indescritível tudo o que vc descreveu. Para mim ele é tão confortável e confesso que acho que encontrei o meu perfume assinatura. Tenho quase certeza que é ele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou estudando Le Bain há quase 24 horas !!! Anotando tudo, cheirando...tinha que fazer essa review hoje!! :) Obrigada, querida...és a responsável por eu ter Le Bain!! Obrigada por me apresentares a ele. bjs

      Excluir
    2. Uma das melhores resenhas que eu já li sobre um perfume...Brilhante!!! Acabei de comprar um pra minha mãe, e depois de ler esta resenha, tenho certeza que ela vai amar!!! Parabéns pelo seu grande "serviço de utilidade pública"...Parabéns!

      Excluir
  2. Linda resenha! Ontem falei dele no blog, engraçado, fo completamente oposta a sua!!! Percepções! Mas vc matou em cima a nota que eu classifiquei como óleo Johnson:leite condensado! Ficou perfeito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Diana, não achas o óleo Johnson remete à química e amêndoas? Vou lá no teu blog!! bjs, querida. Obrigada!

      Excluir
  3. Consegui postar no blog!!! tentei tantas...e tantas vezes. Tu sabes. Mas eu queria sentir isso tudo da tua descrição. Jernê dramático de saias, pelamor! Quisera! Eu me sinto uma indigente ante à essa resenha! Mas é perfeito, pq eu não sou capaz de descrever. Acho q é o meu perfume de vida. Sabe aquele que vc tem ímpeto de ter litros? pois é.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sei sim, querida..... :) Obrigada! Prestei muita atenção para fazer a resenha, anotando praticamente de tempos em tempos o que ele me fazia sentir/lembrar. Sim sim....terás uma excelente assinatura! bjoks

      Excluir
    2. Carlota minha belezura! Eis-me aqui. Ganhei um do Rodriguez que ainda está detido da U.T.I., mas creio que brevemente se desprenderá de lá e chagará em mim. Acho que não entendi, mas vc quer que eu resenhe sobre ele?! Se for sim, farei com prazer, e se for não, farei da mesma forma! [risos]... (o palhaço)

      Vc não é nada de indigente nas resenhas. Sabes se expressar muito bem e com sinceridade... Amo isso! A curiosidade só atiça aqui!

      Excluir
    3. Eita Dâmaris, vc arrebentou a boca do balão... Quê que é isso minha Dama?!

      Quero Le Bain pra 1997! Vc foi um luxo com a escrita inteligente e envolvente. Juro que senti o cheiro dele aqui. [risos]...

      Agora foi que deu! Quero experimentá-lo para resenhar, uma vez que a minha Diva da Aloka dos Perfumes (Diana Alcântara), resenhou de outra forma... (amo isso, sempre acontece).

      Parabéns³!

      Excluir
    4. ;) Jernê querido! Tenho que ir ver a review da Diana tbém :) Bom, muitos fatores interferem na construção da percepção e na escrita ! E só enriquece a informação sobre o perfume! Obrigada. bjs

      Excluir
  4. Que resenha explicativa, amei!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OBrigada, Bruna, realmente estudei o perfume para escrevê-lo para vocês! bjs

      Excluir
  5. Adorei a resenha, não conhecia esse perfume!!!
    Bjs...

    http://www.perfumesdapam.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Panmella!! Tá chegando no Brasil ;) bjs

      Excluir
  6. "Marcante"... usou a palavra mágica para acordar a perua-brega-mor q insiste em co-habitar este corpitcho. NECESSITO cafungar esse perfume!
    Resenha como sempre maravilhosa... não sei como consegues sentir tantos "cheiros" num perfuminho só. O máximo q consigo é "muito bom", "gostosinho" e "blé"!
    Arrasou, só pra variar!
    Bjossss!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rsrs adoro os teus comentários, querida Déia! :)
      Menina, estudei esse cheiro e fiquei anotando tudo o que ele ia revelando ao longo das horas!! Ele é mto interessante! Obrigada! bjs

      Excluir
  7. Resenha impecável como sempre, lindona! Minhas lombrigas leram e já querem cafungar isso tudo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. depois me conte como ficou em vc, Vanessíssima!!! bj

      Excluir
  8. Tem na Free Itália R$59.

    Comprei um me baseando na sua resenha e na da Diana, no bighouse não tem nada sobre ele.

    Infelizmente a APP fechou, fiquei de fora, perdi a janela! :(

    ResponderExcluir
  9. Olá Pessoas!! Li a resenha, comprei e gostei muito!!
    Uma dica: na freitalia tem e custa baratinho!!!

    ResponderExcluir
  10. A Culpa é dessa resenha e de quem a escreveu ... Comprei meu Le Bain hahahahaha e vou partir agora pro White Diamonds :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ahhhhhhhhh Le bain na veia!

      :p não deu tempo pro WD, tadinho.....

      Excluir
  11. Aahhhh, seu blog é responsável pela inquietude do meu olfato... rs
    Fui na Free Itália comprar o meu.

    Pena que não li a resenha antes, senão já estaria com o perfume em casa.

    Convidativa é apelido carinhoso para a sua resenha. Quase um conto erótico do universo dos perfumes.

    ResponderExcluir
  12. Respostas
    1. Thaís, desculpe a demora..sim, ele pode ser usado durante o dia (é só aplicar menos). Abraços

      Excluir
  13. Querida Dâmaris, comprei o meu depois de ler sua resenha. Que felicidade esse precinho! Estou ansiosa pra que chegue logo!
    Mil beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudades de vc, Norma. E como ele ficou em sua pele? bjs

      Excluir
  14. Sempre tive medo de dar um blind no Le Bain, depois dessa resenha acho que vou arriscar.

    ResponderExcluir
  15. Francisco Guedes.
    Cara Village
    Lendo a sua opinião sobre o Joop Le Bain, e também comentários em outros sites,acabei de comprar-lo para a minha filha, espero ansiosamente que ela goste.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostaria de saber a opinião dela depois! Obrigada pelo comentário.

      Excluir
  16. Cara Village,
    A minha filha gostou do Joop Le bain, pois faz o seu estilo, uma fragrância suave,quanto a fixação vou esperar pra ver.Da familia Joop o meu preferido é o Joop Homme,
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  17. Cara Villege,
    Gostaria de saber a sua opinião sobre dois perfumes pois pretendo comprar para a minha esposa.
    O Eternit e o First.Sei que é uma questão particular de gosto.,mas qual dois perfumes na sua opinião é mais adequado para ela.
    Idade:43

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Francisco

      os 2 são perfumes marcantes e que provocam reação de "amor ou ódio". Mas se tiver que escolher entre os dois, fico como da Calvin Klein, pq dentre os 2 é o que considero mais versátil (do trabalho ao jantar).

      Excluir
  18. Obrigada pelo retorno Francisco. Ele é perfume marcante e que apesar de já ter sido feito há bom tempo agrada ao público contemporâneo. abraço

    ResponderExcluir
  19. Cara Villege,
    Minha irmã sabendo dessa minha dependência por perfumes, me pediu uma indicação.Ela me falou que uma amiga teceu muitos elogios ao perfume Cabotine, que usa a anos.Gostaria por obséquio da sua opinião sobre o mesmo.

    ResponderExcluir
  20. Como hoje não a muita distinção entre pérfumes masculinos e femininos , pergunto se este Joop la Bain seria usavel por homens ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Abcoon vc me desculpe! Somente hoje vi e posso responder a sua pergunta. Sim - Joop Le bain é totamente compartilhável!

      Excluir
  21. Oi Dâmaris, mais uma vez parabéns pela ótima resenha, descreveu muito bem o perfume. Sou louco com Baunilha e tenho vários perfumes em que essa nota predomina (Givenchy Pi, Kenzo Le Parfum, Hypnotic poison, Jaipur, Bal a Versailles, A*men)...por isso arrisquei com Le Bain. Gostei do início....Um típico oriental, doce e canforado, luminoso, bem abaunilhado, confortável e perfeitamente usável no dia a dia, desde que com moderação. Entretanto não me empolguei com as notas de corpo e fundo. O tal toque canforado, medicinal, chateia e cansa, e (me desculpem mas sei que vou ser criticado, hehe..), me fêz lembrar muito o cheiro de desinfetante....brincadeira né, mas é o que meu nariz sente. Porém, uso-o com frequencia até que acabe, mas não compraria de novo. Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ubiratan, Joop Le bain é um dos mais enigmáticos perfumes que conheço, pois desperta nuances em cada pele. Na sua, pelo visto, os aldeídos ficaram o tempo todo... Abraço perfumado

      Excluir
  22. Tem toda a razão Dâmaris, não havia percebido que justamente a nota que me desagrada é que me faz lembrar algo sintético, resinoso e com um cheiro "plastificado", se assim posso dizer: são os aldeídos! Obrigado, abraço.

    ResponderExcluir
  23. Boa tarde Dâmaris!
    Eu não sei o porque, mas coloquei na minha cabeça, que este perfume se parece com o Lily Essence (detalhe, não conheço, imaginava pois havia lido a resenha da Sra Anjos, mas ao ler a tua acho que meu achismo mudou).
    Enfim, não acho este perfume em lugar nenhum, para conhecer antes de comprar, e tenho medo de comprar no escuro, pois tenho o Joop Homme, e ele é moiiito forte... Queria saber ele parece com Lily? Parece com algum outro (estes que você citou, infelizmente não senti ainda!!!
    Beijinhos e obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Joyce,

      o Lily Essence é também marcante, mas em nada se parece com o Joop Le Bain. o LE é floral carregado no cheiro de lírio, já o Le Bain tem um misto de cheiro de doce, bebida e aldeídos. Em algumas peles ele não realça esse cheiro de "química", borracha ou fumaça e fica um docinho tranquilo. bjs e obrigada pela visita / comentário! :)

      Excluir
  24. Como sempre uma explicação digna de elogios. Sabe eu tenho um perfume assim é o S.T.Dupont pour femme, por está escrito Chypre e estar num preço bom na Beleza na web, comprei no escuro e agora estou custando a me acostumar. Se souber de algum site sério que faz trocas, eu ficarei muito grata!! Pois está puxado pra mim...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Arlene, sei apenas de grupos no facebook... tem vários que fazem trocas e vendas de perfumes usados.

      Excluir
  25. Puxa, que descrição! Nao sei se li ou se sonhei! Pronto, tão louquinha pra provar!

    ResponderExcluir
  26. Uauuu... uma das mais belas descrições sobre a fragrância. Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  27. Acabei de comprar no escuro pra dar de presente para a minha mulher, Achei por R$29,90 no "belezanaweb.com.br". Ai, resolvi ler algumas resenhas na internet pra saber se fiz bom negócio e me deparei com a sua. Parei aqui. Nunca vi alguém escrever com tanta paixão sobre um perfume. Parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Junior! Realmente a descrição do perfume foi maravilhosa e gostaria de mais opiniões, pois estou quase comprando ele,.. sua esposa gostou?

      Excluir
  28. Mesmo com essa resenha maravilhosa e super curiosa com esse perfume, ainda tenho medo de comprar às cegas. Li alguma coisa sobre ser atalcado (detesto )me parece ser um perfume para mulheres maduras, que gostam de perfumes atalcados

    ResponderExcluir

O Blog Village Beauté está com suas atividades suspensas.

Grata pela compreensão.

Pin It button on image hover